TV por assinatura nos EUA é mais barata e melhor que no Brasil?

10
4717

É bastante comum observarmos em comentários aqui no eXorbeo e nas redes sociais, assinantes de TV no Brasil criticando nossas operadoras, seus pacotes e número de canais em HD.

Para eles, nossa TV por assinatura deveria ser como a norte americana: boa, bonita e barata.

Mas será que isso realmente é verdade? Será que os pacotes de TV americanos são mais baratos e possuem mais opções? Veremos isso hoje.

preco-directv-tv-paga-euaPacotes e preços da DirecTV EUA

Nosso parceiro, o site Em Alta, especializado em finanças pessoais, economia e dicas para economizar dinheiro, foi desvendar esse tema e compartilhou os resultados conosco.

A matéria completa você confere CLICANDO AQUI.

Foram pesquisados preços dos 6 pacotes vendidos pela DirecTV nos principais estados americanos.

O que é oferecido em cada pacote

Mesmo após a DirecTV ser fundida com a AT&T, uma das maiores companhias telefônicas do mundo, seus pacotes de TV continuam sendo apenas – pacotes de TV.

Não são oferecidos os populares combos com internet, telefone fixo ou móvel.

O que nos surpreendeu (negativamente) foi descobrirmos que a DirecTV pratica por lá uma política praticamente idêntica a que vemos por aqui:

  • Os pacotes são rígidos
  • Canais premium só existem nos pacotes mais caros
  • A diferença de valor entre pacotes é bastante relevante
  • Há fidelidade contratual e política de desconto para os primeiros meses

Igualzinho aqui.

Pelo lado bom, temos: a oferta de 2 pontos HD para todos os pacotes além 3 meses para degustação de todos os canais a la carte de filmes e séries.

Os americanos contam hoje com o pacote HBO (são 10 opções por lá, incluindo o HBO Comedy e o HBO Zone); CINEMAX (por lá ele é um pacote de 8 canais de filmes, o que inclui o 5StarsMAX e o MovieMax), SHOWTIME (também com 8 canais de séries e filmes diferentes) e o Starz (também de filmes e concorrente direto da HBO).

A instalação e adesão são gratuitos e os receptores oferecidos em comodato, também igual no Brasil.

espn-classic-brasilTodos os canais são em HD?

Longe disso. Em que pese existirem quase 100 canais disponíveis a mais do que no Brasil, o percentual deles em HD não é tão superior quanto o que temos hoje em operadoras como a OI TV e a NET.

Canais que são oferecidos apenas nos pacotes mais caros da DirecTV, ainda só existem em SD. Abaixo destacamos os principais:

ESPN Classic
Boomerang
Outdoor Channel
One World Sports
FLIX
Root Sports

Por outro lado, muitos canais que são populares por aqui e que ainda não possuem versão HD, estão incluídos desde os pacotes mais simples na DirecTV. São alguns deles:

SyFy HD
TCM HD
Bloomberg HD
Disney XD HD
Science HD
Golf Channel HD
CNN HD

Se você gostou do iniciativa e quer conferir os preços e relação completa de canais disponíveis em SD e HD, bem como um comparativo do pacote Full DirecTV com o pacote máximo da NET:

Basta CLICAR AQUI e acessar a matéria original. 

COMPARTILHE
  • Ruuan Pedroo Djmagojp

    eu ainda vejo vantagem na TV por assinatura dos EUA , sem duvidas deve ser preços mais em conta e canais bem melhores , aqui no brasil somos muito atrazado pra receber canais novos e versões HD , as operadoras brasileiras passam um século pra adicionar novidades em sua grade.

  • Hennan Carvalho

    A ideia do texto é interessante, mas a conclusão péssima. Você não pode converter dólares em reais na hora de comparar os preço. Visto que o americano paga em dólares, mas recebe em dólares também. O sensato nesse caso seria comparar em relação ao valor do salário minimo ou do salario médio da população e ver o percentual da renda que alguém gastar para usufruir do serviço.

    • Redação

      Hennamn, não tiramos sua razão. No entanto, mesmo o salário mínimo norte americano sendo hoje 1500 dólares aproximadamente, o produto TV por assinatura em si está posicionado de maneira diferente. No Brasil ele também é voltado para quem tem uma renda próxima disso. A ideia nunca foi de inclusão social na TV por assinatura, ela surgiu apenas com os pacotes pré pagos mais recentemente. Sabemos sim da disparidade, mas o custo das operadoras por aqui também é mais alto do que quem produz os satélites e demias componentes envolvidos.

  • LuizF

    Só pensam nos EUA? E como é a TV por assinatura em paises europeus e asiáticos?
    E nos paises vizinhos?

  • diego agapito

    Cara ainda acho essa matéria idiota, porque como o amigo falou aí em baixo, tem que se levar em conta o salario mínimo sim, aqui quem ganha um salario não vai pagar o pacote máximo e outra coisa lá existe a justa opção, por isso a pirataria nos EUA de tv é baixa sem falar de uma grande qualidade se canais, aqui a pirataria só cresce.

    • Redação

      Diego, conforme respondemos em outro comentário, nos respeitamos a opinião, mas não concordamos com ela. Não entendemos ainda o que seria a justa opção. A matéria mostra que a sistemática de pacotes é praticamente idêntica a vista por aqui.

  • marcos

    Somos roubados em quase tudo!!!!Sem falar na segurança

  • Rodrigo Zika!

    Concordo com o que o amigo disse ali em baixo, e isso vale pra qualquer coisa que compramos no país, como consoles e Tvs por exemplo, comparar o valor final, e pacotes não e correto, e sim quanto ganha por hora, e quanto e tirado do salário todo mês, pra ter o serviço.

  • Davi Sperandio

    Exorbeo li a matéria completa, a intenção foi boa mas a comparação de valores foi burra.

    O pacote “Full” o premier da Directv (DTH PURO) custa 125 USD porém aqui no Brasil ninguém vai pagar 125 Reais e ter a mesma programação, um pacote (DTH PURO) Oi Tv Total Cinema HD DVR + opcionais custa 497,30.

    Sabe pq fiz essa comparação??

    Os americanos não pagam essa mensalidade em Reais, pagam o valor em Dólares pq recebem em Dólar! E os brasileiros não pagam em Dólares, pagam em reais. Não estamos falando de uma compra feita em Dólar no cartão( Nesse caso é válido o uso da conversão direta) mas sim do custo de um serviço semelhante oferecido em lugares distintos.

    Quer entender melhor meu ponto de vista?

    Vamos esquecer as moedas atuais e inventamos uma o “Exorbeo” rs, usaremos apenas a Proporção e porcentagem como referência.

    Exemplo: Um americano recebe 1.500 Exorbeos e o Brasileiro ganha os mesmos 1.500 Exorbeos (Aqui muita gente ganha 880 Exorbeos kkk mas enfim em sua visão a tv fechada não é produto popular somente as pré-pagas? Tudo certo, discordo mas respeito!).

    Cliente americano da Directv no pacote Premier – Salário X Mensalidade (Desconto) proporcional
    1.500 – 125: aproximado de 8% da renda mensal. Sobram: 1.375 Exorbeos

    Cliente Brasileiro Oi Tv Total Cinema DVR HD + opcionais
    1.500 – 497: aproximado de 35% da renda mensal sobram: 1.003 Exorbeos

    Outros pontos: A matéria compara um sinal DTH PURO sem fixo e internet a Directv com um conhecido combo do Brasil o NET Combo . Paradoxal. Mesmo que se insista na conversão direta, a comparação deveria ser feita com um pacote DTH OU A CABO PURO sem outros serviços agregados pq a Directv concede o desconto sem exigir que vc leve Fixo e Internet pra casa, diferente do que ocorre no Brasil, onde as Teles exigem que vc pegue uma oferta Triple ou dual play para ter o desconto.

    Bem esta é a minha opinião, vivemos em um democracia e devemos exercer o nosso direito de livre manifestação do pensamento. Espero que não censure o meu comentário kkkkk

    Abraços!

    • Redação

      Haha poxa Davi, respeitamos muito sua opinião também, e também sua bela análise para a questão. Sabemos sim que existe uma distorção muito grande na renda dos dois povos, mas também há nos custos da prestação do serviço. A ideia de trazer o combo completo da NET comparado ao serviço de TV pura da DirecTV americana, foi para demonstrar a semelhança entre os valores comparados. O fato é que os 300 dólares em média cobrados são consideráveis perto da renda média do salário mínimo americano 10%, enquanto um pacote que só traz TV por aqui pode adquirido por 130 reais, algo que é mais que 10% do salário mínimo mas bem menos do que 10% da renda média dos trabalhadores assalariados… Sao vários pontos de vista. Abraço e co tinue conosco!